21 de mai de 2011

Do meu cansaço...

Imagem by Milwa. cz - daqui

Ultimamente tenho me sentindo muitíssimo cansada, principalmente de ser eu mesma...
Gostaria, mais do que tudo, de poder zerar completamente e recomeçar, sem lembranças, já que não posso apagar somente as ruins. Mas não dá! Ouço a cada instante que devo ser forte, que devo aprender a conviver com tudo o que já me aconteceu, que esquecer não será possível, mas que preciso aprender a mudar os pensamentos. E daí me pego a pensar: por acaso alguma vez mostrei-me sadomasoquista? Não gosto de sofrer e nunca optei por isso, mas sempre tive os pés no chão e soube aceitar que o sofrimento É condição humana, já que a grande maioria só aprende mesmo pela dor; porque o caminho do amor é sim mais tortuoso. Sou otimista feito Cândido,  Polyana, Dori e tantas outras, mas o sou porque me faz bem e realmente acredito no poder do pensamento positivo, na escolha que se faz entre olhar pro chão e lançar os olhos ao céu. Não procuro ser o que sou pra ser boazinha e agradar a quem me interessa, como muitas vezes me taxaram. Sou o que sou e o sou por mim. E não é egoísmo, não senhora! Como pode ser diferente? Como ajudar alguém se eu não souber ajudar a mim mesma? Como amar alguém se não souber me amar primeiro? E assim por diante, em tudo o mais. Nesse instante ouço alguém me dizer: mas é isso aí, você está no caminho certo, é assim mesmo que as coisas devem ser! Será? Questiono porque tenho levado tanta borduada da vida que me permito sim, duvidar um pouco de tudo isso... Mas duvidar não é desacreditar, entendam... É cansaço!E podem ter a certeza de que estou tentando. Como muitas  dizem, sou guerreira, não me deixo vencer facilmente, se for pra cair de vez que seja diante depois de uma boa luta, mas há dias em que pegar em armas é tão mais complicado... E em dias assim, me permito delirar, quem sabe me recarrego pro seguinte round!
Hoje é um desses dias, em que preferi vomitar minhas dores, queixas e azedumes, em vez de simplesmente dormir, já que os pesadelos tem dominado facilmente os meus doces delírios.

Mas olha só, pra deixar tudo mais ameno, mais azul e vermelho, como gosto que seja a vida, corre lá blog da @fernandareali e deixe-se contagiar pelas belezas da #BlogagemColetivadosEsmaltes! 
Ainda não tive vontade de voltar a participar, mas isso é só uma questão de tempo!



17 Comentários:

Giuliana: disse...

É, tem momentos que a única vontade é de fechar os olhos e adormecer, para assim, talvez, toda a dor passe. Mas ainda bem que temos seres iluminados que sempre estão ao nosso lado para nos mostrar o arco-íris que esteja escondido atrás da nuvem negra.

Ponha tudo para fora, até se sentir melhor, não temos que deixar que fique tudo engasgado.

Beijão. Espero te ver em breve de unhas bem coloridas, alegres e vivas, assim como você! ;oD

JOANA CAMPOS disse...

Amiga, ja estava desligando, e vi no painel sua postagem.... achei meio triste e vim ler.... O que está se passando? que me escrever por e-mail?
Seja lá o que for, VOU ORAR por você, ok? estou indo para fazenda, e so voltarei na terça, então não lerei e-mail até lá.... mas se quizer desabafar comigo pode escrever que lerei depois... mas desde já Oro por vc... e peço que vc deixe Deus Agir ok? Beijos e que as misericordias de Deus seja contigo, todo vale, no final se mostra uma linda paisagem.

Beijos

Clau Finotti disse...

Querida, saiba que de coração admiro muito você e sua força.

Acho que aos poucos tudo se ajeita, não se cobre otimismo e felicidade 24 horas.

Se te ajuda eu dizer, tem dias que me pego pensando que viver dá muito trabalho e me dá uma desânimo daqueles só comparados a quando a casa está de pernas pro ar e a gente só quer deitar e dormir. Entende?

Se dê o tempo que achar necessário, despeja aqui ou nos nossos e-mails seu azedume (rs) qdo quiser, afinal amigas são para isso!

Bjão.

Clau

Taia Assunção disse...

O bom é saber que dias melhores virão, sempre virão. Cuide-se. Beijocas!

Fernanda Reali disse...

Paty, é importante ser forte, firme, otimista e buscar a felicidade, mas NUNCA force isso, viu? Deixa as coisas britarem naturalmente. Tu vais voltar ao normal, não te apressa. Continua assim, firme, autÇentica, transparente. Nós estamos CONTIGO.

beijooo

Alê disse...

Cada coisa tem seu tempo... Há tempo para sorrir, há tempo para chorar e há um tempo que devemos dar um tempo. TUDO um dia passa, mas só com o passar do tempo, e só VOCÊ é quem diz em que tempo passará. Amigos servem para também para ajudar a passar o tempo. Te admiro muito e sei que tudo irá passar.

Bjo,

Alê

Iara disse...

Paty querida, às vezes nossa alma, nosso corpo, nossa mente precisa de um tempo, clama por um tempo. Um tempo só nosso, onde possamos ser egoistas, centradas em nós mesmos.
Não te condenes por isso, se é necessário esse tempo, use-o,abuse dele, se achas que precisas mudar em algumas coisas, mude, reinvente-se, comece de novo. Esqueça as mágoas,as dores, infelizmente elas fazem parte da vida, e muitas vezes temos por um tempo uma carga maior que podemos carregar, e por isso mesmo, temos o direito de dar a nós mesmos um tempo para colocar as coisas em ordem.
Se quiseres conversar estou aqui,me mande um e-mail, desabafe, fale o que quiser e precisar falar.
Mesmo a distância te oferto meu ombro e estou contigo.
Beijos

Cantinho da Zazá disse...

Paty,
Faz tempo que a gente não se fala e por isso fiquei triste por te ver tão triste assim. A vida tem seus altos e baixos. A vida é colorida mas não é um mar de rosas e as vezes a carga se torna muito mais pesada. Duvidar e se perguntar do porquê das coisas serem assim é normal porque você é humana! Chore, grite, desabafe, confie nas amigas, peça ajuda, divida a carga, mas por favor não se abandone, não se largue, não se deixe só e o primeiro passo para isso, é voltar já para a blogagem coletiva! Por favor,se está realmente "me lendo" neste momento vai lá, pega seus apetrechos,faz e pinta as unhas de qualquer cor e manda já a foto lá pra Fer que, com toda a certeza vai entender e te apoiar!Vai lá, levanta, volta para a brincadeira pois é exatamente esta brincadeira que vai te trazer para perto de nós e fazer vc esquecer um pouco, por alguns instantes, do mundo lá de fora.
Tá bom, já falei demais.... muito blá, blá, blá cansa, mas é que eu gosto de vc e me preocupo com vc, de verdade, mesmo sem te conhecer pessoalmente, mas isso é apenas um detalhe pq amizade é amizade. Bjs, Zazá

Rosana Remor disse...

Paty,desabafar é um bom começo!!CORAGEM E FÉ,AMIGA!!BJS!!

Roberta M. disse...

Patty, o nome desse sentimento é superego, o imperador!! Ele é que faz a gente se sentir dessa forma, ou resumindo, a culpa mesmo!! O passado serve apenas prá nos trazer até onde estamos, o passado são nossos degraus, subimos até aqui e acredito que vc nao vai voltar a descer essa escadaria toda de volta né?? Então querida, deixe o que ficou prá trás, atrás, mas lembre que tudo que passou, te moldou a ser esse ser humano incrível que vc é hoje!! Beijocasss

BETA FERNANDES disse...

Força, fé, coragem e resignação. Não existe salvação sem cruz, não esqueça disso, Minha Linda.

Estarei rezando por você.

Deus está com você e você está no colo dele SEMPRE. Tenha certeza disso. Eu não sei qual é a dor que você sente, mas uma hora a janela vai se abrir e tudo vai ficar mais belo. Confiança de que isto vai passar.

Fica com Deus

Andrea Guim disse...

Oi, Dea!

Vim te convidar pro SORTEIO de maio no BLOGARTE em parceria com a MERCIDESIGNS! O presente é mega fofo!! Bora lá participar!!!

Andrea Guim

Andrea Guim disse...

Oi!
Sobre seu desabafo:
Pra mim, o que você está sentindo é natural. Todos passamos por momentos bons e ruis e os ruins são os que mais marcam nossa vida. Mas sempre vale uma reavaliação de nossa vida, de nossas escolhas. As vezes pequenas mudanças no viver geram grandes mudanças no sentir. Estes ensinamentos são universais, mas tenho-os do budismo (minha filosofia de vida),apesar de que pra mim não é nada fácil pôr em prática, porque tenho depressão... Mas o tentar - tentar ver a vida de outros angulos, tentar mudar, tentar fazer novas escolhas - já é um primeiro e enorme passo pra nos sentirmo melhor.
Espero que fique bem!!
Beijins,
Andrea

Vicentina disse...

Olá querida, espero que vc ja esteja bem.
Estes desanimos todos temos, mas precisamos dar a volta por cima, e nos amar muito em primeiro lugar.
Que Deus te proteja, hoje e sempre.
Bjs

Luci Cardinelli disse...

Eu li no dia que vc postou, mas comome acontece de vez enquando quando leio certos posts, fiquei pensando sobre o que vc escreveu e sobre os comentários.
Eu sempre fui tida como forte, mas isso é mto ruim em determinados momentos, porque nos exigem que sejamos SEMPRE fortes e nãoé assim que a banda toca.
Há momentos que devemos nos permitir se fraca, sentar, chorar e lamber as feridas, porque só assim podemos renascer.
Não se pode pular etapas, esconder o problema no fundo da última gaveta. É um dia de cada vez, um passo de cada vez, respeitar nosso tempo.
Tenho muito orgulho de ser sua amiga e te amo e respeito muito.

beijo cheio de carinho :)

tou aqui, viu?

Débora... disse...

Oi Paty...

Às vezes a gente precisa de um tempo pra reorganizar as idéias, a situação, ou até pra esperar que elas se reorganizem por si só...
Esse tempo que a gente dá é precioso, ele nos fortalece e nos dá sabedoria, por mais doloroso que pareça ser.

Beijosss

Cintia Branco disse...

Paty,

Aja como seu coração mandar, existem dias para superação e também existem os dias para reconhecermos nossos limites. Não exija demais de você, não queira ser uma fortaleza quando faltam forças, chore, grite e esperneie se for preciso, só você sabe das suas necessidades. E quando quiser descarregar, de qualquer forma, me ligue, estarei aqui. Seja o que for que te atormenta, estaremos sempre com você!
Grandes beijos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

  ©Dona Amélia - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo