10 de out de 2011

Emagrecer, por Cristiano Rolemberg

Fotografia by Cristiano Rolemberg

Cristiano é um amigo de longa data, desses pra quem  posso confiar a minha vida cegamente. Podemos ficar 2 anos sem nos falar, como dois segundos, que sempre é a mesma coisa, o carinho e a amizade sempre falando alto. O Cris me ajuda em momentos difíceis, ele me ajuda. Está sempre disposto a me colocar pra cima com suas palavras carinhosas e sempre me colocou num patamar muito mais alto do que eu realmente mereço. Também sempre ouviu minhas asneiras com um sorriso no rosto [e que sorriso lindo ele tem!], e também aguentou firme meus puxões de orelha e as verdades que tinha que lhe dizer.
O Cris já foi bem gordinho, e hoje é um atleta! Corre, anda de bike e procura se alimentar, sempre, de forma mais saudável possível. E outro dia me mandou um e-mail com um texto que ele escreveu e me pedindo opinião. Gostei tanto que resolvi trazê-lo pra  cá, pois acho que tem tudo a ver com o dia da #Dieta Coletiva, mesmo eu não estando mais postando sobre o assunto como antes.
Não deixem de ler até o fim esse relato/desabafo/dica; vale muito a pena! ;oD


Emagrecer...



Essa maldita palavra que soa como um sino enorme dentro de nossa cabeça quando é dita por um médico, aquela tia sem noção, namorado (a) e/ou espelho. Estive
pensando numa definição para a palavra e cheguei a uma que julgo interessante:
Ema|grecer
Ema - ema, ema, ema, cada um com seu prolema; ou seja, significa problema
Grecer - de crescer

Então podemos dizer que a palavra emagrecer significa problema crescente. Quem precisa emagrecer sabe que precisa perder peso, que quer ficar magro, bonito, saudável
e tudo mais que é ligado ao corpo em forma.
É engraçado que (pelo menos comigo acontece) quando emagrecemos achamos que estamos ricos, que todos os nossos problemas acabaram e nossas dívidas serão perdoadas,
que todos os dias serão de sol e que passarinhos virão em nossa janela cantar nos dando bom dia. Mentira!
Emagrecer é um problema muito mais emocional do que corporal, a gordura nos protege, nos aquece e nos faz sentir um abraço eterno.
Eu resolvi emagrecer por causa do colesterol que estava alto e o cardiologista alertou que, a veia que rega o pênis com sangue para mantê-lo duro é do calibre de um fio de cabelo, conclusão... Fiquei preocupado em não poder mais utilizá-lo para fins sexuais e resolvi, aos 27 anos, começar a comer salada.
Comecei a fazer caminhadas diárias de pelo menos 1h, me alimentar melhor e em 2 meses havia emagrecido 10kg. E isso foi dando o resultado esperado até chegar a 20kg de
diferença, porém faltavam ainda 7kg para alcançar a meta desejada. Diminui o colesterol e o risco de entupir aquela veia tão importante do corpo masculino. Ótimo!
Tô rico, sou magro alegre e feliz!
Mentira!
Todos os outros problemas continuam lá iguais a quando era gordo.

Hoje quando preciso perder peso por causa de exageros já me lembro que emagrecer é um problema crescente, e não lidamos bem com problemas. Passei a usar a palavra "mudar
de vida".
Durante meus 34 anos conheci diferentes endocrinologistas, diferentes fórmulas emagrecedoras, vigilantes do peso, dieta da lua, da USP, dos pontos, da mãe menininha, e do raio que o parta!
Sabe o que deu resultado?
Mudar de vida, literalmente, associando diferentes técnicas absorvidas nas diferentes dietas que fiz e adequando-as a uma coisa só: ao meu corpo.
Aprendi a ouvir meu corpo e minha mente. O corpo diz "estou com fome" e a mente diz "quero comer", quando aprendi a diferenciar estes pedidos comecei a comer melhor, balanceando o que como sem paranoias com quantidade de gordura, de caloria e o que mais puder influenciar na engorda do gado.
A vida depende de equilíbrio, e comer também. Se você almoça uma feijoada completa com bisteca e torresmo, e a noite come uma pizza de calabresa coberta com catupiry e um petit gateau de sobremesa, tu tá de sacanagem com teu corpo!
Nesse caso teu metabolismo podia ser de um Ironman que mesmo assim acumularia umas calorias se não fosse dia de treino.
Feijoada e pizza nem pensar!
Tá maluco?
É aí que entra a palavra problema crescente, tudo começa com não pode isso, e nem aquilo, e muito menos aquilo outro. Pronto, problema na cabeça!
Então mudemos de vida...
Feijoada no almoço com bisteca e torresmo, de quebra um picolé de brigadeiro... Pode?

Na minha experiência pôde, mas com ressalvas. Primeiro que você tem que pensar nas compensações da seguinte forma:
1- Não adianta eu comer aquela pratada de feijoada completa e depois dormir pensando que a noite não comerá nada;
2- Não adianta comer uma merreca que dali 1h te deixará com mais fome do que antes de ter comido;
3- Ah... Dane-se a feijoada, vou comer um filet de frango grelhado com saladinha de legumes. Pode até ser, mas isso ainda te deixará com vontade de feijoada.

O que fazer então?
Como uma quantidade de feijoada que irá te satisfazer e matar sua vontade de devorar a gordurosa, como já dizia um pediatra que cuidou de quase toda minha família, é muito imoprtante
acabar de comer e ficar com uma vontade de "quero mais", porque se você come e sente-se empanturrado quer dizer que comeu além do que necessitava, aí teu metabolismo será mais
lento porque demorará para digerir toda aquela gordura que você descontroladamente ingeriu. E isso não é só para comidas gordurosas, serve para qualquer coisa e não só para comida. Lembre-se... Equilíbrio.
Coma de tudo moderadamente!
O que significa isso?
Você pode sim comer de tudo, desde que em medidas homeopáticas e de forma a saciar sua fome, não a encher o bucho!
Definições:
Saciar a fome: comer o que o corpo necessita para repor energias gastas.
Encher o bucho: comer como se fosse sua última refeição.
Aí voltamos ao que disse anteriormente, diferenciar fome e vontade de comer é um dos passos mais importantes para se iniciar uma mudança de vida.

Outro passo muito importante é... Paciência.
Podem me xingar a vontade, mas é verdade. Quando iniciamos um regime queremos eliminar 5 a 10kg na primeira semana e em um mês termos emagrecido de 20 a 40kg em um mês;
aí o que acontece?
Eliminamos de 100g a 1kg na primeira semana e ficamos stressados, nervosos e achando que o tal regime não funciona. O que fazemos?
Descontamos nossa raiva comendo mais e mais!

A paciência entra junto com a matemática:
1- Eliminar 100g em uma semana é muito mais vantajoso do que acumular 50g em um mês;
2- Eliminando 100g por semana, ao fim de um mês serão 400g a menos e ao fim de um ano serão 4,8kg; enquanto que somar 50g por mês ao fim de um ano terá engordado 600g;
3- Tendo essa consciência, ao eliminar mais de 100g por semana você ficará mais empolgado com o resultado e se manterá na linha;
4- Você demorou X anos para chegar a este peso, não é em uma semana que irá eliminá-lo, no caso de peso é a exceção à regra de ganhar é melhor do que perder e mais fácil
ganhar ganhar do que perder;

Então temos já três grandes segredos de mudança de vida:
1- Ouvir sua mente e seu corpo para saber diferenciar fome de vontade de comer
2- Equilíbrio
3- Paciência

Quer melhorar o resultado ainda mais?
Não vou dizer qual é o próximo passo assim de cara porque ele desanima muita gente, então vamos fazer um pequeno questionário.
1- A quantos quilômetros se encontram padarias, drogarias, supermercados e qualquer outro serviço que você possa precisar no dia a dia?
2- Como você costuma ir a estes lugares. Carro, moto, bicicleta, skate, patinete ou a pé?
3- Quantos metros por dia você anda ou caminha?

Começou a desanimar, né?
Não desamina não porque tudo na vida é hábito e condicionamento. Se você começar a ir em qualquer um desses comércios a pé, fiquem eles a 100m ou a 2km de sua casa
já estará iniciando uma atividade física. Ao enxugar a louça para guardá-la você pode juntar uma pilha e guardar tudo de uma só vez, ou pode a cada item seco levar ao lugar onde
ele será guardado e depois voltar para pegar outro, e outro, e outro... E assim por diante.
Se seu ânimo e disposição são intermináveis deixo a dica de usar um calçado adequado, afinal caminhar também é um exercício e por menor que seja o impacto causado devemos
lembrar que estamos acima do peso e o projeto de engenharia da nossa máquina previa desgaste para uma máquina balanceada, então o excesso de peso pode gerar desgaste precoce do equipamento num todo.
Fazendo uma caminhada diária de 30min no plano e balanceando sua alimentação te garanto uma perda de no mínimo 250g por semana, o que resultará em 1kg por mês e 12kg no ano.

Quer começar a mudar de vida?

Então lembre-se dos passos acima e do principal, que você está emagrecendo por você, pela sua saúde e bem estar, porque VOCÊ quer ver alguém mais sorridente no espelho!
Os outros são consequência de você, o como você se sente em relação a você que fará a opinião dos outros em relação a você. Nem Jesus agradou a todos, então se tiver alguém que
gostará mais ou menos de você não se preocupe e faça sua parte.

Tudo que disse aqui funcionou comigo e sei que pode funcionar com qualquer pessoa porque o que rege nossas ações é o cérebro, e aprendendo a controlá-lo a seu favor, todo seu corpo
irá seguir as ordens dele e consequentemente funcionará aos comandos que você controlar em seu cérebro.
Por isso no começo disse que é muito mais psicológico. E lembre-se, tudo em excesso faz mal.
Emagreça com saúde, devagar e consciente que mudando de vida para emagrecer você mudou seus hábitos e poderá manter-se magro por mais tempo.

Importante lembrar:

- Cada indivíduo é único, pesquisas são estatísticas.
- Cada corpo reage diferente a diferentes estímulos e mudanças.
- Experimente comportamentos diferentes e observe os resultados.
- Não acredite em milagres para eliminar peso, acredite em você.
- Existem poucas verdades absolutas e entre elas estão:
Gordura animal faz mal
Fritura em imersão faz mal
Açúcar em excesso faz mal
Sal em excesso faz mal
Miojos e coisas instantâneas ou salgadinhos são cheios de sódio, o que faz mal
Líquidos durante as refeições fazem mal e retardam a digestão

- Coisas que prefiro seguir:
Uma xícara de chá verde sem açúcar e quente após o almoço ajuda a diluir a gordura que se acumularia.
Não passo vontade, mas não como em excesso porque terei que abrir mão de outras coisas por causa de uma só.
Devagar se vai ao longe, isso é importante para regimes.
Um deslize em uma festa não é culpa de quem me convidou, é culpa minha por não me controlar.
Eu quero emagrecer por mim (meu pênis) e minha saúde.


É isso aí, Cris. ;oD




PS: O Cris tem blog sim é o Only Lonely People, ele está meio que jogado às traças, vivo batendo na mesma tecla, infernizando o Cris pra voltar a escrever lás, mas ele sempre escorrega, feito bagre ensaboado, dizendo que o blog está mal formatado. Me ajudem?! ;oD





14 Comentários:

Bia Jubiart disse...

Bella! Que depoimento honesto! Gostei muito!

Nosso amigo tem toda razão temos que aprender a ouvir o nosso corpo.

Uma excelente semana p/ vc!

Beijooooooooooooooo

Bia Jubiart disse...

Paty, Cristiano tem Blog?

Beijooooooooooooo

Estante Seletiva disse...

Olá,
Parabéns pelo blog! Estou seguindo.
Segue lá também..

http://estanteseletiva.blogspot.com/

JOANA CAMPOS disse...

Legal frô!
Muito bom o texto.

Beijos

Carmen Ferreira disse...

oi querida
amei o texto do Cristiano e me ajudou muito...li do começo ao fim... dicas simples e incríveis de como mudar de vida. me ajudou muito mesmo, precisava ouvir algo assim( no caso ler algo assim).inspirador... blogs como o seu fazem a diferença.
um grande bjo para você e também para o Cristiano.

Aline Barros disse...

Vim desejar uma linda semana.
bjbjbj

Débora disse...

O Cris é foda... Esse cara é demais, tem uma puta cabeça, inteligente, é bonito, gostoso, uma delícia de gente!!!
Eu tomei um susto e tanto há algumas semanas (depois te conto por tel) e estou neste cuidado todo com a alimentação. E vc acredita que nessa de mudar os hábitos alimentares, consegui eliminar 3 kg em quase 2 semanas?
Emagrecer é justamente isso: mudança de hábitos, de vida.
Parabéns ao nosso fofo, amado, idolatrado, salvesalve amigo Cris e para você, por compartilhar essa maravilha de texto.
Beijoconas estaladonas e muito, muito amor!
Te amo!!!!
Sis Pucca.

LILIANE disse...

Paty
esse seu amigo foi inspirado para produzir este artigo.
Minha luta com a comida é muito mais emocional, psicológica do que qualquer outra coisa.
Muito obrigada mesmo por compartilhar,
de coração, eu precisava ler isso hoje.
Esta semana.
beijos

Andreia Lica disse...

Adorei o depoimento...persist~encia, força de vontade e acima de tudo consciência na hora de comer é que diz tudo.

BJão

Ia Maluf disse...

Falou e disse tudo sobre emagrecer!

É sempre bom ouvir de quem viveu o problema. Como ex-gordinha compartilho de cada sábia palavra.

Vou postar o antes o durante, o depois e o orçamento da minha reforma no blog. Também não vejo a hora!

Bjs
Ia

Rosana Remor disse...

PATY,SEU AMIGO É MUITO SÁBIO!!AMEI O QUE ELE DISSE...BJS QUERIDA!!

Minhas filhas,minha razão de viver disse...

Maravilhoso este post amei e vou começar a tentar pelo menos seguir o q ele disse,se ele conseguiu,eu também posso né?bjs

Marcia disse...

Gostei do Cristiano e gostei das dicas dele!
Um passo de cada vez pode sim,nos levar até onde precisamos chegar!

Um abraço , ótima semana para você e para o seu amigo Cristiano também!

Caroll disse...

Paty,
O depoimento do Cristiano é de alguém que tomou consciência da realidade de como emagrecer bem!!
Ótima sua idéia de divugá-lo!
Abraços

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

  ©Dona Amélia - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo